Rádio Rhema Online

sexta-feira, 8 de abril de 2011

LUTO...

" homo homini lupus"
(Tomaz Hobbes)

O que dizer diante de uma tragédia como a ocorrida na manhã de ontem no Rio de Janeiro?
O que fazer para amenizar a dor daqueles que foram duplamente vitimados?
O que esperar das futuras gerações quando nossas crianças, adolescentes e jovens sequer têm a chance de chegar lá?

Louis Armstrong num momento de devaneio, ou de utopia, não sei, viu um "Mundo Maravilhoso", colorido, de árvores verdes e rosas vermelhas, de céu azul com nuvens brancas; viu um dia brilhante e abençoado e a noite com seu manto negro sacrado; viu as mesmas belas cores do arco-íris no céu estampadas nas faces das pessoas; viu amigos que se amavam de verdade e que expressavam este amor em gestos simples como um aperto de mão; viu bebês chorando, não de fome, nem sede ou frio, mas simplesmente por que são bebês e como tais buscavam o aconchego dos seios de suas mães; ele as viu crescer em graça e conhecimento prontas a fazer mais, muito mais, do que poderemos um dia fazer, e se tornarem melhores, muito melhores do que um dia poderemos ser...

Que bom que ele não viveu para ver no que de fato nos tornamos.



What a wonderful world

I see trees of green, red roses too
I see them bloom for me and you
And I think to myself, what a wonderful world
I see skies of blue and clouds of white
The bright blessed day, the dark sacred night
And I think to myself, what a wonderful world
The colours of the rainbow, so pretty in the sky
Are also on the faces of people going by
I see friends shakin' hands, sayin' "How do you do?"
They're really saying "I love you"
I hear babies cryin', I watch them grow
They'll learn much more than I'll ever know
And I think to myself, what a wonderful world
Yes, I think to myself, what a wonderful world
Oh yea

Prossigo de luto...

Robson Silva

2 comentários:

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Prezamigo Pbpastor Robson silva,

A paz de Cristo, o nosso Senhor!

Saudades, muitas saudades do querido irmão.

Luto! Certamente somos abalados pelas notícias que nunca gostaríamos de ouvir ou até mesmo imaginar que poderiam acontecer, e esmagar o nosso conceito de uma melhor vida a cada momento ou a cada passo.

Estes acontecimento nos permite avaliar o fatídico momento em que muitos não conseguirão ser arrebatados e ficarão à mercê do destruidor, ou seja, o príncipe deste mundo.

Estes são sinais do Final dos Tempos, irreconhecíveis para os que não temem ou não se revitalizam diante de Deus na preocupação em deixar a luz brilhar.

O Senhor seja contigo, nobre amigo!

O menor de todos os menores.

ROBSON SILVA disse...

Paz, nobre amigo e mentor Newton Carpintero.

Também estou com saudades; principalmente das nossas lonnnnngas conversas...

A bem da verdade tenho andado mais ocupado que nunca e, por conseguinte, meio afastado da blogosfera...

Mas foi muito bom receber a tua visita, embora num momento de tanta dor e angústia.

Ainda, estou de luto. Mas não apenas por Realengo e suas vítimas. Estou de luto pela humanidade; pelos mortos-vivos sem Cristo; pela situação atual da Igreja; por aquees que "têm nome de que vivem mas estão mortos"; pelos obreiros homicidas e seu curral de vítimas... Estou de luto por estar fazendo e contribuindo tão pouco pelo reino de DEUS...

Por essas e tantas outras coisas Prossigo de LUTO.

Abraços.

Orai por nós!

N'Ele,

Esperança da Glória,

Prossigo para o Alvo...

Related Posts with Thumbnails